Qua

10

Set

Luc Alphand vence etapa do Pinhal
Desporto
Escrito por Paulo Jorge F. Marques   
(Pinhal)  

luc2.jpg A 1ª etapa do Pax Rally, que ligou…

Pinhal

luc3_1.jpg A 1ª etapa do Pax Rally, que ligou Mação a Castelo Branco, teve como vencedor Luc Alphand, mas apenas com dois segundos de vantagem sobre o segundo classificado Carlos Sainz. A mais de um minuto do duo da frente ficou Giniel de Villiers.

Entre os portugueses, o melhor foi Filipe Campos, na sétima posição, o melhor dos BMW em prova.

O Euromilhões PAX Rally teve um sector se 220 kms, com início em Mação, com passagem por Vila de Rei, Sertã, Proença-a-Nova, Oleiros, e final em Castelo Branco, junto ao Jumbo.

A 1ª etapa foi muito competitiva, disputada em troços estreitos e sinuosos, o que obrigou os pilotos e grande esforço físico. O percurso seguiu por caminhos florestais, rurais e estradões. O dia esteve muito quente, com um piso seco, o que levantava bastante pó.

Fica um resumo do percurso: saída da Pista da Boavista em Mação, Chão de Codes, zona Industrial do Souto, Vila de Rei, Bostelim, Azinheira(Sertã), Colos, Vales de Cardigos, Parque Eólico do Vergão, Malhadal, Isna de Oleiros, Estreito, Castelo Branco.

À chegada a Castelo Branco, muito extenuado, por ter rodado os últimos 40 quilómetros sem água no carro, Luc Alphand referiu: "Foi difícil encontrar o ritmo nos quilómetros iniciais, mas depois ataquei forte e consegui chegar ao final sem furar. A especial foi fantástica pois era muito bonita, mas muito trabalhosa e exigente em termos físicos, já que o único problema foi mesmo ter percorrido os últimos 50 kms sem água no carro”.

Stéphane Peterhansel, também da Mitsubishi foi sexto. Giniel de Villiers, que foi terceiro na etapa.

Da equipa X-Raid ,Nasser Al-Attiyah, o piloto do Qatar, para muitos o favorito número um à vitoria, atrasou-se bastante neste primeiro dia de prova, ao optar por uma afinação de suspensão demasiado dura no seu BMW X3

Filipe Campos, ao obter a sétima posição da geral, lidera entre os pilotos nacionais. Embora afectado por diversos contratempos, foi mesmo o melhor dos BMW.

O quinto lugar da etapa foi ocupado por Nani Roma, que chegou a rodar em segundo atrás de Carlos Sainz.

Notas: o público acorreu em massa às zonas espectáculo, nomeadamente em Mação e Zona Industrial do Souto, em Vila de Rei. As pessoas poderiam ter comparecido mais, uma vez que se trata de uma grande prova de TT, com os melhores pilotos do mundo. Quem corre também gosta de ver pessoas a apoiar. Nota positiva para as Câmaras municipais,  que souberam tirar partido deste evento, e projectar também os respectivos concelhos. Nota negativa para a cobertura dada pelos órgãos de comunicação nacionais, a começar pela RTP, que pouca relevância deram ao evento.

1 Luc ALPHAND (FR) 3:22:47

2 Carlos SAINZ (ES) 3:22:49

3 Giniel DE VILLIERS (RSA) 3:23:40

4 Dieter DEPPING (D) 3:25:13

5 Joan ROMA (E) 3:25:46

6 Stéphane PETERHANSEL (FR) 3:27:01

7 Filipe CAMPOS (PT) 3:28:50

8 Nasser AL-ATTIYAH (QAT) 3:29:47

9 Pedro GRANCHA (PT) 3:33:24

10 Leonid NOVITSKIY (RUS) 3:38:22

11 Francisco INOCÊNCIO (PT) 3:47:42

12 Maurizio TRAGLIO (IT) 3:53:18

13 Guerlain CHICHERIT (F) 3:58:35

Video-reportagem:

Foto-reportagem:

Clique para abrir - 13 fotos
{gallery}foto_reportagens/pax_rally_2008{/gallery}
 
Tem de se autenticar (ou registar-se, se ainda não possui uma conta) para poder adicionar comentários a este artigo.